A importância do modelo de negócios

a importância do modelo de negócios

A importância do modelo de negócios

O que é?

Uma empresa precisa de toda uma estrutura que a apoie na oferta de seus produtos e serviços para o mercado. A importância do modelo de negócios de uma empresa reside justamente em descrever como é essa estrutura.

Algumas perguntas básicas sobre o cliente e sobre os produtos devem estar bem respondidas antes. O segmento de mercado a ser atingido é o de massa ou é “nichado”? E o nosso produto, como ele agrega valor para o cliente, em que ele se diferencia da concorrência?

O modelo de negócio é a estrutura da seu empreendimento

A partir daí toda a estrutura compreendida pelo modelo de negócio se desenha: planos de comunicação, vendas, insumos, processos, fornecedores. Estimativas devem ser feitas para entender o tamanho necessário dos investimentos, do caixa, e cálculo de viabilidade do negócio. Com tudo isso fica fácil entender a importância do modelo de negócios.

Desafiando o modelo de negócios

É na hora que, ao sairmos da previsão e passamos a medir o resultado realizado, o modelo desenhado é desafiado. Um modelo de negócios muito engessado, que não permita fazer ajustes à medida que os planos vão sendo executados para que o negócio atinja seus objetivos, vai acabar se tornando mais um fator limitante do que uma ferramenta valiosa de apoio ao empreendedor que se pretende ser. Isso porque qualquer modelo é baseado em previsões que precisam ser confirmadas. E sempre precisará de ajustes.

Como assim?

A boa notícia é que é possível aprender de exemplos bem-sucedidos de modelos de negócio já testados. Adaptando, modificando, testandoo e novamente modificando dentro de um processo de melhoria contínua. O capítulo 6 da excelente apostila “Empreender & Inovar: Faça a diferença com novos métodos e modelos de negócios”, de Rita de Cássia da Costa Malheiros, do Instituto Friedrich Naumann, traz excelentes dicas sobre esses modelos. Veja, por exemplo, se algumas dessas situações já não aconteceram com os seus negócios:

  • Dois ou mais produtos lucrativos, oferecidos para segmentos de clientes diferentes, mas que acabam causando confusão nos processos por demandar tarefas distintas para a mesma equipe;
  • A concorrência aumentou e agora há muitos produtos similares ao seu no mercado;
  • Você tem que se mudar para um lugar maior mas tem que investir muito para mobiliar o local;
  • Você tem planos de oferecer mais serviços, mas sabe que terá que aumentar os preços e os clientes já começam a reclamar;
  • Você não tem fornecedores que podem atender sua demanda na sua região, mas não tem escala suficiente para produzir você mesmo o necessário para atender seu negócio.

Todo mundo passa por isso, mas a boa notícia é que esses problemas e muitos outros podem ser resolvidos com pequenos ajustes no seu modelo de negócios, usando padrões já consagrados sem precisar “reinventar a roda”. Inovar, aqui, é recombinar padrões para atender a sua necessidade e de seus clientes, criando negócios sustentáveis e que gerem valor para a sociedade.

Quer conversar sobre o o seu modelo de negócios? Entre em contato conosco.